Religiões e Enciclopedismo, no Museu Gulbenkian (28 set.)

No contexto das Jornadas Europeias do Património, o Museu Calouste Gulbenkian realiza uma mesa redonda sobre a representação das religiões pelo cultura enciclopédica europeia. A sessão, com Fabrizio Boscaglia e Paulo Mendes Pinto, decorre a 28 de setembro às 15h e é intitulada «O livro que mudou a Europa». Entrada gratuita, sujeita a lotação.

Lê-se, no site do próprio Museu:

Nesta sessão é debatida a obra Cérémonies et coutumes religieuses de tous les peuples, que integra a exposição Do céu e da terra. Rituais, cerimónias e costumes religiosos à volto do mundo. Assim se mostra como o enciclopedismo iluminista do autor Bernard e do ilustrador Picart contribuiu, a partir do século XVIII, para a construção de um paradigma dominante no que respeita à representação das religiões e culturas do mundo, que ainda hoje perdura. A abordagem crítica vai partir sobretudo da análise histórico-cultural de algumas ilustrações da obra, propondo pistas interpretativas e comparativas úteis para a leitura da nossa contemporaneidade.

Oradores
Fabrizio Boscaglia e Paulo Mendes Pinto, professores da Área de Ciência das Religiões da Universidade Lusófona

Requer levantamento de bilhete no próprio dia, sujeito à lotação.

Mais informações: https://gulbenkian.pt/descobrir/atividade/o-livro-que-mudou-a-europa/

Origem da imagem: aqui.

Anúncios