Alfabeto árabe e Arte contemporânea: Sara Domingos

Saiu o terceiro volume de Al-Irfan: revista de ciências humanas e sociais, pela Universidade Mohammed V de Rabat (Marrocos), que contém uma entrevista, realizada e comentada por Fabrizio Boscaglia, com Sara Domingos. O texto é dedicado à obra da mencionada artista portuguesa, Uma textura de som (2015), que representa uma abstração visual do som do alfabeto árabe.

O artigo-entrevista integra o dossiê «O barzaj da inspiração: a espiritualidade islâmica nas artes contemporâneas da Península Ibérica e América Latina», coordenado pelo professor Pablo Beneito (Universidade de Múrcia).

«Em Uma Textura de Som Sara Domingos trabalha a nosso ver na fronteira, na ponte, no barzaḫ entre estas artes, testemunhando de uma linha, de um percurso subterrâneo e raro, mas rijo, da arte contemporânea e da arte portuguesa, e do trabalho da própria autora, que pré-avista ou pressente o advir eterno da originalidade, não entendida como regresso às origens estáticas, nem como afirmação da novidade estética, nem ainda como síntese entre passado e futuro. Antes como pura manifestação re-orientadora da Beleza. A Beleza que sempre, e inevitavelmente, transforma e reconcilia.»

BOSCAGLIA, Fabrizio, «Uma abstração do abǧad? Entrevista com a artista portuguesa Sara Domingos», Al irfan, 3 (2017), 98.

Anúncios