Considerações sobre a presença do elemento arábico-islâmico no sensacionismo e no neo-paganismo de Fernando Pessoa

Saiu pela editora Al-Barzakh o livro:
Boscaglia, Fabrizio (2012). Considerações sobre a presença do elemento arábico-islâmico no sensacionismo e neo-paganismo de Fernando Pessoa. Vale d’Infante: Al-Barzakh.
52 pp. (9 pp. a cores)
Brochura manual
Tiragem limitada de 40 exemplares
Contem um fragmento inédito de Fernando Pessoa
Preço: 12 €
O livro encontra-se esgotado e é prevista uma segunda edição para 2013*
Resumo
O objectivo deste estudo é começar a indagar alguns aspectos da reflexão de Fernando Pessoa sobre a influência arábico-islâmica no seu pensamento estético, filosófico e religioso. Pretende-se sobretudo dar atenção a alguns textos de António Mora que identificam o «elemento arabe» [sic] como uma das raízes de dois entre os principais  ismos criados por Pessoa, o  sensacionismo e o neo-paganismo, no contexto de um interesse geral de Pessoa sobre a influência «arabe» na cultura europeia, ibérica e portuguesa.
Pretende-se além disso proporcionar ao leitor algumas ideias para melhor poder contextualizar a influência arábico-islâmica no pensamento pessoano dum ponto de vista biográfico-bibliográfico e cultural-civilizacional.
*O livro encontra-se disponível para consultação nestas bibliotecas:
Biblioteca Nacional de Portugal (Lisboa)
Biblioteca da Casa Fernando Pessoa (Lisboa)
Biblioteca Central da Faculdade de Letras da Universidade do Porto
Biblioteca Municipal Álvaro de Campos (Távira)
Apreciação crítica aqui
Anúncios